16 fevereiro 2010

QUANDO A VIDA, MESMO COM MUITO SENTIDO, PERDE UM POUCO DA GRAÇA...


Hoje recebi um telefonema dos mais "legais" que alguém poderia receber logo ao acordar: "alô? É da casa de repouso em que seu pai está internado. Gostaria de pedir que vocês viessem aqui fazer uma visita. Ele está mal, mesmo. E ele está só esperando essa visita para morrer. Obrigado..."

É: foi bem assim, mesmo, curto e grosso.

Tem gente que não sabe dar notícias.

Pior: tem gente que acha que todos os filhos com pais em asilo são desalmados e os colocaram lá para não dar trabalho. Acha que todos os que optam por essa situação desumana são uns cachorros que querem tirar o peso da responsabilidade da velhice de seus pais de cima dos ombros, mas não é. Muitas vezes temos pesos pesados demais para serem carregados, e só gostaríamos que alguém nos ajudasse a carregar.

Mas é claro que tem peso que é só seu.  Você tem que carregar, você deve com ele, e você, acima de tudo, tem que chorar pelo seu peso, pelas suas perdas e suas incapacidades.

Agradeço aos amigos, e principalmente à minha esposa, a Sandra, que sempre está ao meu lado pra me ajudar nessa caminhada, mas infelizmente esse tipo de coisa, nem todo apoio do mundo alivia.

Esse mundo, como já foi dito por milhões de pessoas em todo o globo, é um mundo-cão. E ninguém pode viver a sua vida, sentir seus sentimentos, chorar suas tristezas e encarar sua própria cara no espelho todas as manhãs dia após dia, a cara de uma pessoa incapacitada pelas dificuldades, pelo dinheiro, pelas necessidades, pelo trabalho, pela fome, pela sede, pelo vestir. Essa cara que só você sabe como é do outro lado, por dentro. Só você a pode encarar.

Nem mesmo a dona de uma casa de repouso (vulgo asilo) sabe o que se passa nas famílias de cada um dos velhos que ali estão. É claro, sei que eles não são monstros sem coração (será?), mas também sei que, por mais amor que sintam por um velho, ele é o dinheiro no fim do mês, e um dia ele parte, como já partiram centenas, e mais milhares partirão. É carne morta e em decreptude.

Mas para mim, meu pai sempre será meu pai.

Sempre será o cara que me ajudou quando precisei, que brigou comigo quando pisei na bola e que também brincou comigo sempre que ninguém mais podia brincar. Foi o cara que segurou a bronca nas minhas noites de doença, quando eu não podia nem levantar da cama por algum motivo.

Ensinou-me muitas coisas, inclusive como lidar com situações extremas. Me ensinou a ser esperto, e nunca me enganou com historinhas sobre um mundo bom e justo, mas me mostrou que viver nessa vida não seria fácil, e diferentemente do "pai" da música dos Titãs, meu pai não disse pra que eu não mentisse, e nem se esqueceu de me dizer a verdade: há momento pra tudo, e há horas em que você tem que mentir pra poder se dar bem,  pra não fazer outras pessoas sofrerem, dizia. Ele me ensinou a não confiar em ninguém, pois todos os homens são traiçoeiros. Lembro dele me dizendo "nunca confie em ninguém, nem mesmo em mim". Mais tarde descobri que nossa confiança devia estar em Deus e não nos homens, que maldito era o homem que confiava no homem. As palavras do meu pai, que já tinham sentido, tomaram mais sentido ainda quando comecei a crescer e a conhecer esse mundo maldito em que vivemos.

E hoje, depois de 30 anos e alguns meses de vida, sinto uma pressão enorme e uma vontade de cortar os pulsos. Mas não farei isso. Em primeiro lugar, sei que não é o que Deus tem pra mim. Em segundo lugar, sei que meu pai me chamaria de fraco se dissesse algo assim pra ele! A saída é continuar vivendo dentro das nossas possibilidades.

Fico triste por não poder dar ao meu pai uma cura para seus diversos problemas. Fico triste porque Deus não quis dar a ele algum tipo de cura. Mas eu sei que Deus tem seus propósitos, e que tudo acontece para o bem daqueles que amam a Deus.

E mesmo nesse lamaçal e nesse profundo poço em que me encontro, sei que nada é impossível para Deus.

15 fevereiro 2010

Vi o vídeo a seguir no blog Byte Que Eu Gosto!

Muitas vezes nos achamos muito superiores aos animais. Só achamos, mesmo. Porque estamos muito longe de demonstrar sentimentos que para eles são comuns.

Me emocionei muito vendo o vídeo. Nem tem muito o que falar. Espero que gostem.

06 fevereiro 2010

Israel: Netanyahu diz que imigração clandestina ameaça “caráter judaico” do país



O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, afirmou hoje que a entrada de imigrantes clandestinos a Israel “ameaça o carácter judeu do Estado” e  “levam a nação a índices próprios do terceiro mundo”.


Em um comparecimento na Associação de Manufatureiros de Israel, Netanyahu acusou os imigrantes que entram de forma irregular no país de ser os responsáveis da redução dos salários e de prejudicar a natureza judaica e democrática do Estado, afirma a imprensa local.


“Os “infiltrados” causam um dano cultural, social e econômico e nos levam para o terceiro mundo”, disse o chefe do  executivo israelense, acrescentando: “sofremos um problema que, de fato, é um obstáculo ao êxito econômico de Israel”.


O primeiro-ministro se referia aos imigrantes procedentes de países como o Sudão, que conseguem entrar em território israelense através da fronteira deste país com o Egito.


Estes imigrantes estão em situação ilegal em Israel e muitos deles alegam que procedem da região de Darfur, pedem asilo político  e serem reconhecidos como refugiados.


No início do mês, Netanyahu ordenou a construção de uma cerca ao longo da fronteira de Israel com o Egito, de 250 quilómetros de divisa, desértica e onde, atualmente, apenas alguns marcos delimitam sua existência.


A medida está destinada a impedir a infiltração de imigrantes, assim como de “terroristas” ao país, indica a imprensa israelense.


Netanyahu afirmou hoje em seu discurso que, além de construir uma cerca, o Governo também trabalhará para fomentar o emprego local, especialmente entre os setores ortodoxos, com os quais pretende “atenuar” a ocupação de trabalhadores ilegais ou estrangeiros.


“O objetivo é “garantir a natureza judaica e democrática de Israel”, disse o chefe do Governo e afirmou que seu país continuará dando as boas-vindas “aos refugiados de países atingidos pela guerra”.


No entanto, ressaltou: “não permitiremos que milhares de trabalhadores estrangeiros inundem o país”.


Retirado da Angop


COMENTÁRIO do Blog do Atheneu: Imagine se  os países do mundo resolverem se rebelar contra a atuação dos judeus em seus territórios  e devolve-los à seu  país? Se já totalmente cercado pelos muros que ele próprio contrói ao redor de si  para  “protejer-se”  dos “terroristas árabes”, Israel teria que  rapidamente  derruba-los: -  por excesso de  população Judia.


E até onde  sabemos, “terroristas”  não costumam pular  muros para  executar seus ataques. Mas Israel ultimamente vem conseguindo superar-se em  atitudes que revelam, além de sua extrema arrogância, egoísmo, fanatismo, insociabilidade e preconceito,  agora também, desinteligência.


Quem diria, Israel?! Seus ancestrais devem estar se revirando nas sepulturas.


Eu  pergunto:  por quantos anos o povo judeu viveu sem pátria, porém abrigado  pelos governos de toda a terra?  E  é assim que retribui?


Ouso então acrescentar-lhe  mais uma “qualidade”:  a Ingratidão.


Retirado do Blog do Atheneu via Estado Anarquista

01 fevereiro 2010

Pastor diz que blogs são "contra Deus"


RedaçãoTecnologia Terra

O pastor Kevin D. Denee, de uma igreja evangélica americana, alertou para o problema dos blogs, diários virtuais que vêm se popularizando ano a ano desde sua criação, e que, segundo ele, “vão contra os ensinamentos cristãos e contra Deus”.”Blogar se tornou uma prática socialmente aceita – assim como namorar firme muito jovem, beber sendo menor de idade e outros males comportamentais”, escreveu em um artigo no Ambassador Youth, da Reformed Church of God (Igreja Reformada de Deus).

Para Denee, os blogs servem para fazer com que seus autores se sintam parte de um todo, como sua opinião fizesse diferença, mesmo quando são “tolices sem sentido”. “As pessoas agora fazem e dizem coisas que só deveriam ser feitas e ditas em particular, ou, francamente, não deveriam ser ditas ou feitas de jeito algum”, disparou.

Para o pastor, o problema é que “decência e decoro” não são elementos considerados em blogs, e os escritores simplesmente “desabafam sem considerar o conteúdo ou as conseqüências”.

Mesmo dizendo que nem todos os blogs estão errados, já que muitos são usados para veicular assuntos profissionais e palavras de especialistas, Kevin desconsidera a justificativa de que os blogs sejam utilizados para fins terapêuticos, foco que vem sendo discutido e levado em consideração atualmente por especialistas, conforme noticiou o The Register.

O artigo do pastor se baseia em passagens bíblicas, como é o caso de “Provérbios 17:27-28″, que diz Quem retém as palavras possui o conhecimento, e o sereno de espírito é homem de inteligência. Até o estulto, quando se cala, é tido por sábio, e o que cerra os lábios, por sábio.

O problema do vício em blogs foi atacado também, dizendo que alguns usuários ficam “literalmente viciados” ao ato de blogar, postar e enviar mensagens, a ponto de esquecer outras partes da vida. “Mesmo quando estas pessoas estão longe de seus computadores, elas enviam atualizações pelo celular”.

O extenso artigo pode ser lido, em inglês, através do atalho snurl.com/yq51. Nele é apresentada a definição de que muitos dos blogs são ofensas à privacidade, demonstrações de vaidade e propagadores de palavras vazias, explicando que para os blogs não existem regras, o que vai contra Deus, já que Este possui regras. “Nem tudo está escrito na Bíblia, nós devemos tomar princípios e aplicá-los ao cenário geral”, comentou

“Deveriam adolescentes e outros na Igreja se expressar através de blogs? Por causa do perigo óbvio; dos princípios bíblicos que claramente podem ser aplicados; do fato de que dá a voz a alguém; de que é quase sempre criado por palavras vazias; que jovens normalmente não pensam antes de fazer; que são atos vindos de aborrecimento; e estão repletos de aparições do mal – blogar simplesmente não é para ser feito pela Igreja. Deveria estar claro que é desnecessário e, de fato, perigoso em muitos aspectos”, termina o texto, que em suas últimas linhas diz que as pessoas podem, e devem, manter amigos da forma antiga, por contato pessoal e envio de cartas, emails e até mesmo mensagens instantâneas, com um link para outro texto a respeito de como utilizá-las corretamente.


Vi em Web Evangelista


Comentário do blog Genizah:
O pior é que tem muita gente que acha que a "letra mata", a opinião é maldição e o questionamento é o mal. Só não entendo como isto pode sair da boca de um protestante, cuja própria natureza bereiana exige compreensão, razão, conhecimento e questionamento... 

Em 2014 o Brasil terá um presidente evangélico






Por Zé Luis

Sim!

Eu o vi, eleito no primeiro turno, por brasileiros que agora são crentes, neo-pentecostais em sua maioria. Sua promessas de campanha foram irresistíveis:

- Não haverá mais impostos em solo tupiquiniquim: serão dízimos e ofertas cobrados semanalmente por diversas emissoras de TV e rádio, junto à palavra que lhes trarão, que deus mandou falar.

-O Palácio do Planalto será reconstruído, sendo uma réplica do Templo de Salomão, onde os fiéis (não eleitores) trarão ofertas, no dia do Perdão, novo feriado nacional instituído.

-O Ministério da Saúde terá o apóstolo Valdomiro Santiago, onde planeja espalhar homens de oração nos hospitais, dispensando médicos e enfermeiros. Talvez reintegrar estes como obreiros e diáconos(vai depender da denominação e linha teológica: rebeldes não serão aceitos).

- Silas Malafaia, após desentendimento com outros pastores, ficou apenas com o Ministério da Aeronáutica, enquanto seu atual desafeto, o naturalizado brasileiro Morris Cerullo, assumiu o Ministério das Finanças, com a promessa de resolver dividas com a unção financeira que tão bem ministrou sobre a fé dos brasileiros em bíblias ungidas.

- Na prevenção de terremotos e outras tragédias naturais, foram proibidas em solo nacional a celebração de qualquer outra religião que não se assemelhe a um culto evangélico, com a certeza que Deus não se irará. Tal ato, que inicialmente levantou protestos das outras crenças, foi logo sanado, quando católicos continuaram com suas novenas, agora chamadas de campanha; umbandistas e outras vertentes espíritas adaptaram-se com os rituais de descarrego e invocação de espíritos celebrados pelas madrugadas nas IURDs. Os místicos e esotéricos adaptaram suas numerologias à pregação de René Terra Nova – que permanece como chefe da Casa Civil – mantendo o misticismo em alta.

- Ainda dentro da questão, foi criado o Micanvinji, Ministério das Catástrofes Naturais Vindas de Jeová Irado, sugestão de alguns blogueiros ultra-consevadores, já que estes tem a resposta de quando e porque Jeová destrói esta ou aquela região do mundo. Normalmente estes estão ligadas ao procedimento religioso incorreto, e dentro da frase “davidiana”: “Não quero ser pego lutando contra a vontade de Deus”, foi proibido o auxílio às vítimas destes locais: “Deus assim o quis” é o lema deste Ministério. Que morram os supostos pagãos.

-Seguindo a linha do atual Governo, com excessão dos badulaques evangélicos, estão proibidos todas as expressões ou objetos de outras religiões. De forma velada – para não aborrecer os americanos, povo quase tão evangélico quanto nós – talibans deram treinamento de como explodir imagens de escultura. O Cristo Redentor foi implodido logo na posse de nosso querido presidenciável César Cervêro, rapaz jovem e sábio, detentor de todas as respostas bíblicas.

Realmente, o Brasil é agora, o paraíso. Rádios e cinemas têm músicas úngidas e de qualidade, que não perverterão nossa juventude, e com o auxílio do Ministério do Exército, debelaremos o demônio que habita no meio daqueles que discordam de nossas idéias santas.

A visão não acaba aqui, mas por hora, é muita alegria para que seus corações possam suportar. Rejubilem-se fiéis, por que o futuro nos promete grandes coisas ainda nesta terra.

Eu, Gigapóstolo Canarinho, Querubim da Catedral do Ferrazopolis, é quem assina e deixa a esperança.


***
O artista é o Zé Luis, conhecido como Cristão Confuso, mas que sempre dilui a confusão com seus reflexivos textos. A reprodução não-autorizada é por conta do Púlpito Cristão. Que Jeová Cerol nos perdoe... rs

_______________________________
Se a republicação já tinha sido sem autorização, sigo a tendência e continuo na não-autorização... aguardando que Gizuz (como dizem lá no Genizah) me perdoe...

Vale a pena ver de novo: para quem quer viver debaixo da Lei

Sei, sei: como a maioria dos blogs, eu sou mais um peão comunicativo que requenta materias e artigos de outras fontes.
Mas e daí? Vocês gostam, não gostam?
Talvez por isso a fidelidade não seja tão grande: uma vez descoberta a fonte, pra que ler as matérias aqui? É por isso que tenho que tentar escrever algo original qualquer hora. Mas enquanto isso não acontece, vai mais um bandecão requentado pra vocês.
Segue um artigo antigo postado no Genizah em 18 de setembro de 2009. Espero que gostem (eu gostei).




Hermes Fernandes


Eis uma carta enviada por um ouvinte a uma apresentadora de um programa evangélico, que insiste em que as pessoas vivam debaixo da Lei.

"Cara Dra. Laura: Obrigado por ter feito tanto para educar as pessoas no que diz respeito à Lei de Deus. Eu tenho aprendido muito com seu show, e tento compartilhar o conhecimento com tantas pessoas quantas posso...

Mas eu preciso de sua ajuda, entretanto, no que diz respeito a algumas leis específicas e como seguí-las:

a) Quando eu queimo um touro no altar como sacrifício, eu sei que isso cria um odor agradável para o Senhor (Levíticos 1:9). O problema são os meus vizinhos. Eles reclamam que o odor não é agradável para eles. Devo matá-los por heresia ?

b) Eu gostaria de vender minha filha como escrava, como é permitido em Êxodo 21:7. Na época atual, qual você acha que seria um preço justo por ela ?

c) Eu sei que não é permitido ter contato com uma mulher enquanto ela está em seu período de impureza menstrual (Levíticos 15:19-24). O problema é: como eu digo isso a ela ? Eu tenho tentado, mas a maioria das mulheres toma isso como ofensa.

d) Levíticos 25:44 afirma que eu posso possuir escravos, tanto homens quanto mulheres, se eles forem comprados de nações vizinhas. Um amigo meu diz que isso se aplica a mexicanos, mas não a canadenses. Você pode esclarecer isso ? Por que eu não posso possuir canadenses?

e) Eu tenho um vizinho que insiste em trabalhar aos sábados. Êxodo 35:2 claramente afirma que ele deve ser morto. Eu sou moralmente obrigado a matá-lo eu mesmo?

f) Um amigo meu acha que comer moluscos seja uma abominação (Levíticos 11:10). Você pode esclarecer esse ponto ?

g) Levíticos 21:20 afirma que eu não posso me aproximar do altar de Deus se eu tiver algum defeito na visão. Eu admito que uso óculos para ler. A minha visão tem mesmo que ser 100%, ou pode-se dar um jeitinho?

h) A maioria dos meus amigos homens apara a barba, inclusive o cabelo das têmporas, mesmo que isso seja expressamente proibido em Levíticos 19:27. Como eles devem morrer ?

i) Eu sei que tocar a pele de um porco morto me faz impuro (Levíticos 11:6-8), mas eu posso jogar futebol americano se usar luvas ? (as bolas de futebol americano são feitas com pele de porco)

j) Meu tio tem uma fazenda. Ele viola Levíticos 19:19 plantando dois tipos diferentes de vegetais no mesmo campo. Sua esposa também viola Levíticos 19:19, porque usa roupas feitas de dois tipos diferentes de tecido (algodão e poliester). Ele também tende a xingar e blasfemar muito. É realmente necessário que eu chame toda a cidade para apedrejá-los (Levíticos 24:10-16) ? Nós não poderíamos simplesmente queimá-los em uma cerimônia privada, como deve ser feito com as pessoas que mantêm relações sexuais com seus sogros (Levíticos 20:14)?

Eu sei que você estudou essas coisas a fundo, então estou confiante que possa ajudar. Obrigado novamente por nos lembrar que a palavra de Deus é eterna e imutável. Seu discípulo e fã ardoroso."

Resta dizer que "o fim da Lei é Cristo" (Rm.10:4). Não estamos mais debaixo de seu insuportável peso, mas debaixo da Surpreendente Graça de Deus. Porém, quem insiste em viver sob ela, tem que cumpri-la integralmente, e não apenas a parte agradável ao paladar religioso de hoje.

*Esta é uma adaptação da carta original.

Fé em tempos de tecnologia digital

Papa Bento XVI recomenda que padres usem a internet para atrair fiéis

Por Redação do IDG Now!

Publicada em 25 de janeiro de 2010 às 15h09
Atualizada em 31 de janeiro de 2010 às 18h56

Religioso recomenda uso da linguagem da web para Igreja se aproximar da cultura jovem. Vaticano tem canal no YouTube e app para iPhone.

Em sua mensagem do Dia Mundial da Comunicação, o Papa Bento XVI sugeriu que padres do mundo inteiro usem a internet como meio de se aproximar dos fiéis.O Papa recomenda que a evangelização e a catequização sejam feitas através da web com fotos, vídeos, animações, sites ou mesmo blogs, modernizando os meios de dialogar e passar os preceitos católicos.

Para Bento XVI, o domínio da linguagem e da comunicação pela internet é fundamental para a Igreja Católica se aproximar da cultura jovem e atrair novos fieis.Essa não é a primeira investida da Igreja Católica na web. No começo de 2009 o Vaticano lançou um canal no YouTube com mensagens de Bento XVI. Além disso, a instituição também possui aplicativos para iPhone e Facebook com discursos do Papa.

Públicado no IDG Now!