21 julho 2007

Pesquisador neozelandês vai estudar cabeça de 'metaleiro'

O governo da Nova Zelândia acaba de destinar uma verba de US$ 68 mil (R$ 140 mil) para que um pesquisador estude a cabeça e os hábitos dos fãs de heavy metal - especialmente os head-bangers, aqueles que jogam a cabeça para a frente e para trás ao som de rock pesado. [...] Durante três anos, o universitário Dave Snell conduzirá a pesquisa, que já tem até nome: 'O Dia-a-dia da Ralé: Identificação e Comunidade dos Fãs de Heavy Metal'. [...] Ele vai estudar os tipos de dança praticados por essa tribo - como o head-banging e o moshing (jogar o corpo sobre a galera). Também vai analisar a importância das tatuagens e dos piercings. A bolsa foi concedida pela Tertiary Education Commission. "A pesquisa vai nos ajudar a entender nossas comunidades e nossos jovens", defendeu Frannie Aston, gerente da entidade."

Já dizia o alemão Lutero: "mente vazia é oficina do diabo". Só o capeta pode estar trabalhando em mentes tão boçais. Leia a matéria completa em: http://g1.globo.com/Noticias/PlanetaBizarro/0,,MUL16611-6091,00.html

Postar um comentário